Vinho em lata Cavas Hill

cavas hill

A vinícola espanhola Cavas Hill anunciou que venderá vinhos branco e tinto em latas de alumínio. De acordo com a empresa, a intenção é adaptar-se aos novos hábitos dos consumidores e conquistar a preferência de jovens.  A distribuição do produto com a nova embalagem deve se concentrar em restaurantes fast-food, em redes de hotéis e lanchonetes em aeroportos e estações de trem. A empresa diz que o interior da lata é revestido com uma película que evita o contato da bebida com o metal. As latas contêm o equivalente a duas taças de vinho e serão vendidas na Espanha pelo preço de 0,80 euros

O MARKETING DA CACHAÇA

O Vice Presidente José de Alencar, o governador Aécio Neves, o presidente da Nestlé, o ex- ministro do TCU Carlos Átila e a atriz Lúcia Veríssimo são donos de marcas de cachaça, mas nenhuma delas consta na lista das melhores do Brasil.

Cachaças com nome e sobrenome:

Cachaça do Barão – Ivan Zurita ( Nestlé ) – Sem foto

cachaça maria da cruz

Maria da Cruz – José de Alencar ( Vice Presidente do Brasil )

 

 

cachaça mingote

Mingote – Aécio Neves ( Governador de Minas Gerais )

 

 

cachaça do ministro

LV – Lúcia Veríssimo ( atriz )

 

 

cachaça Doministro

Doministro – Carlos Átila ( Ex- Ministro do TCU )

 

 

Cachaças com nome e reconhecida qualidade:

Top 20

Vale Verde, Anísio Santiago, Canarinha, Germana, Claudionor, Boazinha, Piragibana, Indaiazinha, Lua Cheia, Seleta e GRM, Casa Bucco (RS), Armazém Vieira (SC), Magnífica (RJ), Maria Izabel (RJ), Sapucaia Velha (SP), Corisco (RJ), Mato Dentro (SP), Abaira (BA), e Volúpia (PB).

A revista Playboy promoveu, mais uma vez, a sua já tradicional degustação para a escolha das vinte melhores cachaças do Brasil, ouvindo alguns dos maiores especialistas, estudiosos, pesquisadores e apreciadores da bebida no País. Entre as vinte melhores marcas selecionadas pelo júri, 55% são de Minas Gerais, ficando a Vale Verde, de Betim, em primeiro lugar, a Anísio Santiago, de Salinas, em segundo e a Canarinha, também de Salinas, em terceiro. Além disso, um detalhe chama a atenção: as seis primeiras colocadas são de Minas. Na pesquisa, das 20 melhores colocadas, onze são mineiras: Vale Verde, Anísio Santiago, Canarinha, Germana, Claudionor, Boazinha, Piragibana, Indaiazinha, Lua Cheia, Seleta e GRM. As outras selecionadas são: Casa Bucco (RS), Armazém Vieira (SC), Magnífica (RJ), Maria Izabel (RJ), Sapucaia Velha (SP), Corisco (RJ), Mato Dentro (SP), Abaira (BA), e Volúpia (PB).

Pessoas inteligentes consomem pela qualidade e não pelo nome. O que não quer dizer que as vezes existem produtos com ambas características.