ROCKERS – By Supla

supla

Supla montou uma exposição fotográfica com fotos de vários ícones do Rock mundial. Vale a pena conferir na FAAP.

Uol – Começa na quarta-feira (16), no Museu de Arte Brasileira da FAAP, a exposição “Rockers”. O evento traz 270 imagens de ícones do rock feitas pelo célebre fotógrafo norte-americano Bob Gruen, dos anos 60 aos tempos atuais. A mostra vai até o dia 1º de julho.


Sob a curadoria do cantor Supla, a mostra será dividida em nove segmentos temáticos. Entre os quais, “Wall”, com fotos variadas de artistas de diversas épocas, como Tina Turner, Rolling Stones, Kiss e outros; “Camarim”, com cenas de bastidores; “Quarto de adolescente”, simulando, como o nome indica, um quarto de adolescente com pôsteres, fotos e revistas; “Sala John Lennon”, com imagens do ex-Beatle, e “Sala Punk”, abordando grandes nomes do estilo, como Patti Smith, Dead Boys, Devo e Ramones.

Entre os trabalhos do fotógrafo, Supla destaca imagens como a de Sid Vicious se lambuzando com um cachorro quente e Mick Jagger ao lado de seu “clone”, o vocalista dos New York Dolls, David Johansen, além da clássica série com John Lennon e Yoko Ono em Nova York.

Nascido em 1946, Bob Gruen é um dos mais importantes fotógrafos de rock de todos os tempos. Logo em seu primeiro trabalho musical fotografou um dos momentos mais importantes da história da música pop: a lendária apresentação de Bob Dylan no Newport Folk Festival, em 1965, em que o músico apareceu com uma banda elétrica pela primeira vez, para revolta dos fãs puristas. De lá para cá, praticamente todo mundo que foi digno de nota na história do rock and roll foi registrado por suas lentes.

Nos anos 70, se tornou amigo pessoal de John Lennon e Yoko Ono, adquirindo acesso à intimidade do casal como nenhum outro fotógrafo. Enquanto isso, registrava na noite de Nova York o embrião do punk e da new wave desde 1971, em casas noturnas como Max´s Kansas City e CBGB´s. São suas algumas das primeiras fotos conhecidas de bandas como os New York Dolls, Ramones e Blondie.

Bob Gruen também clicava para revistas como “Rock Scene”, “Creem” e “Rolling Stone” os maiores nomes da época em ação. De Bob Dylan e Ike & Tina Turner a Led Zeppelin e os Rolling Stones, todos foram fotografados por Gruen no auge de suas carreiras. Tudo isso enquanto construía relacionamentos duradouros com os artistas, conseguindo assim registrar momentos íntimos dos quais poucos colegas poderiam se gabar.


GUITARRA DE U$ 240 MIL

The Edge Guittar

 

A guitarra Gibson Les Paul tocada por The Edge, do U2, foi arrematada por US$ 240 mil, e os óculos de sol de Bono foram vendidos por US$ 20 mil em num leilão realizado no sábado, 21, para beneficiar músicos atingidos pelo furacão Katrina. O leilão, promovido no Hard Rock Cafe de Nova York pela Julien´s Auctions, levantou cerca de US$ 2,5 milhões, incluindo uma taxa de comprador de 20%, para a Music Rising, uma organização beneficente criada por The Edge e outros artistas após o furacão que devastou a Costa do Golfo americana em 2005. De acordo com os organizadores, foi a primeira vez que uma seleção tão grande de memorabília do U2 foi oferecida a colecionadores. Entre os mais de 200 objetos vendidos estavam a guitarra Red Fender Mustang de 1966 de Jimi Hendrix, por US$ 400 mil, o saxofone do ex-presidente Bill Clinton (US$ 54 mil) e um par de óculos de sol azuis e redondos de John Lennon (US$ 30 mil).

LIVE EARTH 07|07|07

live earth

Live Earth é o nome de uma série de concertos de pop e rock que serão realizados em 07 de julho de 2007 com o objetivo de promover ações de combate as mudanças climáticas. A organização para esse evento global é de um movimento chamado Save Our Selves – SOS. Serão sete grandes shows no mesmo dia, um em cada continente. Recentemente o evento foi anunciado formalmente pelo ex-vice-presidente dos estados unidos – Al Gore e por reconhecidos ativistas em Los Angeles. A inspiração para promover a causa usando o veículo “Grandes Shows Beneficentes “, veio do exemplo de vários outros bem sucedidos concertos nos últimos 25 anos incluindo o Live Aid e o Live 8.

www.liveearth.org

O Live Earth será um evento mundial reunindo mais de 100 expressivos artistas internacionais em prol do planeta. Um evento para conscientização das pessoas em relação a degradação do meio ambiente e do aquecimento global. O Brasil será contemplado e nosso show será na praia de Copacabana. Ficamos na expectativa das atrações para o palco brasileiro. A Microsoft é a principal patrocinadora do evento que já conta com os artistas abaixo:

AFI, Akon, Alicia Keys, Bon Jovi, Dave Matthews Band, Fall Out Boy, John Mayer, Kanye West, Kelly Clarkson, KT Tunstall, Ludacris, Melissa Etheridge, The Police, Rihanna, Roger Waters, Sheryl Crow, Smashing Pumpkins

ROCK IN RIO EUROPA – AMBIENTALMENTE RESPONSÁVEL

Rock in Rio na Europa terá palco ‘movido’ a energia solar 

Lisboa, 15 Abr (Lusa) – O palco principal do Rock in Rio 2008, que será realizado em Lisboa e Madri, vai funcionar com energia solar, com a utilização de 240 painéis para conversão da luz solar em eletricidade, revelou neste domingo a organização do evento. A iniciativa está inserida na estratégia dos organizadores de sensibilizar o público para o problema das alterações climáticas. O Rock in Rio 2008 ocorrerá em 30 e 31 de maio, e 6, 7 e 8 de junho no Parque da Bela da Vista, em Lisboa, e em 27 e 28 de junho, 4, 5 e 6 de julho em Arganda del Rey, em Madri. Com a intenção de contribuir para a redução de emissões de carbono, a equipe do Rock in Rio vai instalar nas duas cidades um total de 240 painéis fotovoltaicos para produzir eletricidade para a montagem do palco principal. A energia acumulada nos painéis será também utilizada durante os shows, mas como fonte de energia secundária. Com os painéis, que integram a própria estrutura do palco, os organizadores esperam produzir 19 mil quilowatts de eletricidade – o que equivaleria ao consumo diário de uma cidade com 2.500 habitantes – e evitar a emissão de nove toneladas de dióxido de carbono (CO2). Terminado o festival, os painéis permanecerão tanto no Parque da Bela Vista como em Arganda del Rey. O Rock in Rio será realizado pela primeira vez em Madri em 2008, em uma estratégia de internacionalização do projeto. Na capital espanhola será construída uma nova “cidade do rock”, com área de 200 mil metros quadrados. O acordo com as autoridades madrilenhas tem validade de três anos, o que levará à realização de pelo menos outras três edições do Rock in Rio. O cantor espanhol Alejandro Sanz e a cantora Ivete Sangalo são os dois únicos artistas já confirmados para atuarem em Lisboa e em Madri.